Voo aterra de emergência em Shenzhen

Avião tinha como destino Macau e cinco passageiros ficaram ligeiramente feridos.

Um avião da Capital Airlines, com 157 passageiros e nove tripulantes a bordo, que fazia a ligação Macau Pequim foi esta manhã desviado para o aeroporto de Shenzhen, devido a problemas no trem de aterragem. De acordo com a conta weibo do aeroporto daquela cidade, cinco pessoas ficaram levemente feridas durante a aterrisagem do voo JD5759.

O piloto ainda tentou aterrar em Macau, mas, devido aos ventos cruzados que se faziam sentir na Ponta da Cabrita, teve de borregar. Contudo, nessa primeira tentativa, e de acordo com a página na Internet dedicada a notícias sobre aviões - Flight Global, o avião ficou com o trem danificado (como se pode ver na imagem difundida nas redes sociais). Quando se preparava para uma segunda tentativa, o piloto detetou problemas de ordem técnica e decidiu deslocar-se para a região vizinha de Shenzhen, onde aterrou de emergência.

O incidente está agora em fase de investigação para apurar as causas do problema no trem. O avião Airbus A320 foi construído em 2012 e sempre pertenceu à Capital Airlines.

A companhia tem estado debaixo dos holofotes por ter revelado recentemente que vai cancelar o voo Pequim-Lisboa, iniciado a 26 de julho de 2017 com pompa e circunstância, de outubro a março do próximo ano por "razões operacionais".

Relacionadas

Exclusivos