Vilarejo alemão elegeu prefeito neonazista e agora quer voltar atrás

Stefan Jagsch, do ultranacionalista Partido Nacional Democrata (NPD), em Waldsiedlung, na Alemanha

Stefan Jagsch, do ultranacionalista Partido Nacional Democrata (NPD), em Waldsiedlung, na Alemanha

Stefan Jagschm, único a se candidatar, foi eleito por unanimidade entre vereadores.

A decisão de um pequeno vilarejo no sudoeste da Alemanha de eleger para prefeito um candidato de um partido neonazista provocou reações de repúdio e um exame nacional de consciência.

Leia mais em Folha de S.Paulo.

Relacionadas

Exclusivos