Primeiro de dois C-130 portugueses com apoio parte hoje para Moçambique

Augusto Santos Silva, ministro dos Negócios Estrangeiros de Portugal

Augusto Santos Silva, ministro dos Negócios Estrangeiros de Portugal

Uma força de reação rápida portuguesa constituída por 35 militares, uma equipa cinotécnica e médicos parte hoje de Lisboa, a bordo de um avião C-130

O anúncio foi feito hoje, em Lisboa, pelo ministro dos Negócios Estrangeiros (MNE), Augusto Santos Silva, em declarações aos jornalistas, tendo acrescentado que um segundo avião C-130 português estará em condições de voar para Moçambique a partir de quinta-feira, com mais equipas de apoio.

Relacionadas

Exclusivos