O mural de Vhils para que o assassinato de Marielle não seja esquecido

Ativista dos Direitos Humanos e vereadora do Rio de Janeiro, no Brasil, Marielle Franco foi assassinada há seis meses. Para homenageá-la, o artista plástico Vhils criou um mural no Panorâmico de Monsanto, em Lisboa.

A obra de arte urbana foi feita em colaboração com a Amnistia Internacional no âmbito do Festival Iminente, que decorre no Panorâmico de Monsanto até domingo.

Leia mais em: V

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Relacionadas

Exclusivos