Marinha investiga desaparecimento de agulhetas de incêndio a bordo de navio

Navio reabastecedor 'Bérrio' atraca na quinta-feira na base naval de Lisboa

Navio reabastecedor 'Bérrio' atraca na quinta-feira na base naval de Lisboa

Guarnição do reabastecedor Bérrio foi proibida de sair na segunda-feira para se perceber o que aconteceu.

É o mais recente caso de desaparecimento de material militar e outra vez na Marinha, com a descoberta de que faltam 14 agulhetas de incêndio a bordo do navio reabastecedor Bérrio, soube o DN.

A informação foi confirmada nesta quarta-feira ao DN pelo porta-voz da Marinha, comandante Pereira da Fonseca, depois de questionado sobre um caso que ocorre poucas semanas após a perda de uma caixa de munições na via pública e de uma farmacêutica.

Leia mais em Diário de Notícias.

Relacionadas

Exclusivos