PGR investiga desvios de fundos do Estado

Hélder Pitta Groz

A PGR está a investigar o caso em que o Estado angolano foi lesado em mais de 4,7 mil milhões de dólares com investimentos privados feitos com fundos públicos

O procurador-geral da República, Hélder Pitta Groz, disse que a PGR está a recolher toda a documentação necessária para depois chamar os cidadãos envolvidos no desvio do dinheiro do Estado.
"Quando se chegou à conclusão que havia utilização irregular desses recursos, identificaram-se logo algumas pessoas, mas é necessário que tenhamos toda a documentação e ouvi-los sobre a situação", disse Hélder Pitta Groz, que acredita que alguns processos que estão a ser investigados terão uma solução rápida.
"Os processos não são iguais. Alguns casos podem ter uma solução mais rápida e pode acontecer que alguns casos possam não seguir a via judicial. Os processos em posse da PGR continuam a correr a sua tramitação normal", afirmou o procurador-geral da República.

Leia mais em Jornal de Angola

Relacionadas

Exclusivos