Personalizado e high tech, mercado de hospitais de luxo cresce em São Paulo

A crise econômica que fez muitos brasileiros perderem o plano de saúde não afetou o mercado dos hospitais privados do segmento premium.

Em um mês, São Paulo ganhou dois novos centros médicos voltados para esse público: o Vila Nova Star, no Itaim-Bibi, e o Samaritano Paulista, na Bela Vista. Ao mesmo tempo, unidades já conhecidas nesse nicho, como Sírio-Libanês e Albert Einstein, investem na expansão de suas unidades dentro e fora da cidade e na compra de equipamentos mais modernos.

O maior investimento nesse segmento foi feito pela Rede D"Or São Luiz, dona do Vila Nova Star. Além da unidade paulistana, inaugurada no dia 14, o grupo abriu um hospital de luxo no Rio em 2016 e abrirá um nos mesmos moldes em Brasília, no mês que vem. "Investimos mais de R$ 1 bilhão nestas três unidades e já temos planejada uma quarta no Recife", diz Paulo Moll, vice-presidente da rede.

Leia mais em Istoé

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Exclusivos