Ministro brasileiro defende fortalecimento de ensino superior privado

O ministro da Educação Abraham Weintraub durante audiência na comissão de Educação da Câmara, a 22 de maio de 2019

Weintraub tem feito críticas a universidades federais, que tiveram corte de verbas.

Enquanto as universidades federais têm sido alvo de críticas, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, indicou em encontro com representantes do ensino superior particular que o setor é a prioridade para o governo Jair Bolsonaro (PSL) na busca pela expansão de vagas.

Weintraub disse que o governo pretende relaxar as regras de regulação de cursos e instituições, mas não detalhou outras ações planejadas pelo governo nesse sentido. A fala do ministro vai ao encontro da agenda do setor privado, defensor da simplificação de regulação.

Leia mais em Folha de S. Paulo

Relacionadas

Exclusivos