Análises clínicas poderão tornar-se regra em todos os cursos do Exército

Militar do Exército que sofreu transplante de fígado já está consciente e a respirar de forma espontânea. Causas ainda desconhecidas.

"Provavelmente vai ser padrão a partir de agora" o Exército realizar análises clínicas de largo espetro aos alunos dos cursos de formação, admitiu esta sexta-feira fonte oficial ao DN.

A porta-voz do Exército, major Elisabete Silva, precisou que a decisão será tomada depois de conhecidas as chamadas "lições aprendidas" do que terça-feira levou um soldado de 23 anos a sentir-se mal durante um exercício em Santa Margarida e que obrigou a fazer-lhe um transplante de fígado. O militar "já está consciente e a respirar espontaneamente", adiantou Elisabete Silva.

Leia mais em Diário de Notícias

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Relacionadas

Exclusivos