Alto custo para criar filhos diminui taxa de natalidade na China

Queda na população jovem gera preocupação sobre problemas econômicos para o país

Depois de ela ter uma filha, dois anos atrás, o marido, os pais e os sogros da contadora Chen Xianglin, 26, a encorajaram a ter um segundo filho, mas ela relutou. "Eu dou muita importância à educação e ao desenvolvimento de minha filha, e quero passar bastante tempo com ela", disse a contadora. "Quando penso em que tenho de trabalhar, e na pressão econômica, chego à conclusão de que ter um filho é o bastante."

Leia mais em Folha de S. Paulo

Exclusivos