Celso Malavoloneke: "A discussão do albinismo no nosso país tem sido evitada"

Celso Malavoloneke

Jornalista, professor universitário, mestrando em Sociologia da Comunicação. Foi o primeiro estudante que se licenciou em comunicação social numa universidade em Angola e é o único albino com funções mais altas no Executivo, quando se sabe que noutros países africanos pessoas com problemas de albinismo nem sequer podem sonhar em almejar tal lugar

Num mês em que se comemora o Dia Mundial de Consciencialização zação do Albinismo, a 13 de Junho, o secretário de Estado da Comunicação Social, Celso Malavoloneke, 50 anos, abriu a porta do seu escritório para contar a sua história de vida e da "comunidade" em que está inserido.

O nome "Marthy" ainda lhe toca muito?

Oh, toca-me muito. Marthy Itula é o nome que eu usava quando era estudante no Tchivinguiro. Mas, antes disso, deixe que lhe diga: "estou a desconfiar que fizeste uma pesquisa sobre mim". Eu escrevia poesia e música.

Leia mais em Jornal de Angola

Relacionadas