Humanização passa por condições nos hospitais

Médica observa jovem em hospital angolano

Médica observa jovem em hospital angolano

  |  Kindala Manuel | Edições Novembro

Em Setembro do ano passado, o Jornal de Angola publicou uma reportagem que trazia depoimentos de mulheres a queixarem-se de maus tratos em maternidades públicas.

"Onde andaste durante todo este tempo, para só agora fazeres filho?", lembrou uma então parturiente à pergunta que lhe foi feita por uma parteira, ao saber que tinha 31 anos e que era gestante pela primeira vez. "É melhor despachares-te, senão vamos embora e vais esperar pelo outro turno", terá ameaçado a mesma parteira.

Leia mais em Jornal de Angola

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG