Facebook multado em 4,48 mil milhões de euros por "sabotar" utilizadores

Joe Simons, presidente do regulador, anunciou a multa esta quarta-feira em Washington

Joe Simons, presidente do regulador, anunciou a multa esta quarta-feira em Washington

  |  Yuri Gripas/REUTERS

O regulador norte-americano impôs ao Facebook uma multa recorde de cinco mil milhões de dólares, por ter "enganado" os utilizadores da rede social sobre a sua capacidade de controlar a confidencialidade dos dados pessoais.

A multa, equivalente a 4,48 mil milhões de euros, é a maior imposta por violação da vida privada dos consumidores, segundo um comunicado publicado pelo regulador, a "Federal Trade Commission"(FCT), cuja investigação começou na sequência do escândalo da Cambridge Analytica.

"Apesar das repetidas promessas aos milhares de milhões de utilizadores em todo o mundo de que estes poderiam controlar a forma como as suas informações pessoais são compartilhadas, o Facebook sabotou as escolhas dos consumidores", disse o presidente do regulador, Joe Simons.

Leia mais em Jornal de Notícias

Relacionadas

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG