Criminosos temidos, ex-PM e guarda davam as ordens em ala com presos da Lava Jato

Os presos da Lava Jato

Os presos da Lava Jato

  |  Acervo Pessoal

Relato integra livro que narra o cotidiano de presídio no Paraná no qual políticos e empreiteiros ficaram detidos

Pela sexta galeria do Complexo Médico Penal de Pinhais, a ala VIP destinada aos presos da Lava Jato no Paraná, passaram um ex-ministro-chefe da Casa Civil (José Dirceu), um ex-presidente da Câmara (Eduardo Cunha), dois ex-governadores (Sérgio Cabral, do Rio, e Beto Richa, do Paraná), um senador (Gim Argello) e alguns deputados federais.

Estiveram lá também empresários poderosos, como o empreiteiro Marcelo Odebrecht, à época o nono mais rico do país, e Léo Pinheiro, acionista da OAS.

Leia mais em Folha de S.Paulo

Relacionadas

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG