Cartunista canadense é demitido após ilustrar Trump jogando golfe sobre corpos de imigrantes

Cartunista canadense é demitido após ilustrar Trump jogando golfe sobre corpos de imigrantes

Cartum de Michael de Adder faz referência a salvadorenhos afogados no Rio Grande

O cartunista canadense Michael de Adder disse na sexta (28) que teve o contrato rompido com alguns jornais para os quais colaborava após uma ilustração sua, que mostra o presidente Donald Trump se preparando para jogar golfe sobre os corpos de dois imigrantes afogados, ter viralizado.

Leia mais em Folha de S.Paulo

Relacionadas

Exclusivos