Ativista negra apagada de foto com Greta Thunberg

Chama-se Vanessa Nakate e é uma ativista climática do Uganda. Por estes dias, em Davos, diz que "entendeu a definição da palavra racismo".

A ativista climática do Uganda, Vanessa Nakate, acusou os meios de comunicação social de racismo quando viu ser publicada uma fotografia tirada com suas congéneres brancas em Davos e onde ela não aparece.

Numa declaração em vídeo, Nakate disse, em tom muito emocionado, que, pela primeira vez na vida, "entendeu a definição da palavra racismo".

Nakate disse que "várias" agências, incluindo a agência de notícias AP dos EUA, a removeram das fotos.

A agência AP, que entretanto removeu a foto cortada, disse que "não houve más intenções" neste corte.

"O fotógrafo estava a tirar uma foto dentro de um prazo apertado, e que a recortou unicamente por motivos de composição, porque achou que o prédio ao fundo era perturbador", disse o diretor de fotografia da agência de notícias, David Ake, citada pela BBC News.

"Quando voltámos a adicionar mais fotos ao trabalho, o que quase sempre fazemos quando trabalhamos com prazos muito apertados, adicionamos fotos adicionais com diferentes culturas", sustentou.

Na sua declaração a jovem africana sustenta que "nós não merecemos isso. África é o continente menos emissor de carbono, mas somos os mais afetados pela crise climática ... Apagarem as nossas vozes não vai mudar nada. Apagar as nossas histórias não vai mudar nada".

A jovem, de 23 anos, disse que não recebeu "qualquer explicação ou pedido de desculpas" por parte da AP

Algumas das pessoas que comentaram a posição de Nakate também observaram que outros meios de comunicação haviam identificado Nakate como a ativista zambiana Natasha Mwansa.

Os principais ativistas climáticos já ofereceram o seu apoio à jovem. Incluíndo Greta Thunberg.

"Sinto muito que eles tenham feito isso contigo ... és a última que merece isso! Estamos todos muito agradecidos pelo que estão a fazer e todos enviamos amor e apoio", escreveu Thunberg.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Relacionadas

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG