África Central pede apoio contra mudanças climáticas

Angola quer concertação de estratégias e acções para se tirar benefício dos recursos naturais

Angola quer concertação de estratégias e acções para se tirar benefício dos recursos naturais

  |  Angop

Os ministros dos Estados membros do Comité Consultivo Permanente das Nações Unidas sobre questões de Segurança na África Central (UNSAC) solicitaram, ontem, em Luanda, o apoio do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) e seus parceiros no combate às mudanças climáticas.

No fim da 49ª Reunião Ministerial do Comité Consultivo Permanente, os ministros solicitaram, igualmente, que o Programa das Nações Unidas actualize o impacto das mudanças climáticas sobre a paz e segurança na África Central, na 50.ª Reunião Ministerial, que acontece no próximo ano, na cidade de Malabo, Guiné-Equatorial.

Na Declaração de Luanda sobre o impacto das mudanças climáticas sobre a paz e segurança na África Central, os responsáveis reiteram o compromisso com os objectivos de Desenvolvimento Sustentável, incluindo o objectivo 13, de tomar medidas urgentes para lidar com as mudanças do clima e os seus impactos.

Leia mais em Jornal de Angola.

Relacionadas

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG