40 mil pessoas precisam de ajuda humanitária

A ONU e Cabo Verde assinaram um acordo para acudir cidadãos em situação de pobreza extrema

A ONU e Cabo Verde assinaram um acordo para acudir cidadãos em situação de pobreza extrema

  |  DR

Quase 40 mil pessoas necessitam de cuidados em Cabo Verde, avançou, hoje, a directora- geral da Inclusão Social do país, Mónica Furtado, para quem o sistema deve ser integrado na lei de protecção social.

"A nível do cadastro social, temos identificado actualmente cerca de 12 mil crianças dos 0 ao 3 anos, cerca de 20 mil pessoas que dizem ter alguma incapacidade, cerca de 16 mil pessoas maiores de 65 anos", contabilizou Mónica Furtado, citada pela Lusa.

Leia mais em Jornal de Angola

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG