Vistos, finança e mobilidade: avança o Plano B de Bruxelas para o Brexit

Jean-Claude Juncker, presidente da Comissão Europeia, na reunião do colégio de comissários esta quarta-feira

Jean-Claude Juncker, presidente da Comissão Europeia, na reunião do colégio de comissários esta quarta-feira, em Bruxelas

O plano de ação de contingência incide sobre serviços financeiros, transportes - segurança aérea e em matéria de ligações aéreas - ou relativamente ao funcionamento alfandegário.

No dia em que ficam a faltar 100 dias para o Brexit, previsto para 29 de março, a Comissão Europeia começou a implementar um conjunto de 14 medidas jurídicas para preparar a União Europeia para qualquer eventualidade no caso de uma saída desordenada do Reino Unida da UE, ou seja, o chamado "No Deal Brexit".

O plano de ação de contingência incide, por exemplo, sobre os serviços financeiros, o setor dos transportes, nomeadamente, no âmbito da segurança aérea e em matéria de ligações aéreas, ou relativamente ao funcionamento alfandegário.

Leia mais em Diário de Notícias

Relacionadas

Exclusivos