Tony Blair quer trabalhar com governo angolano

O Instituto Tony Blair para a Mudança Global manifestou esta segunda-feira a intenção de trabalhar com o Governo angolano, na sequência das reformas em curso no País.

"Angola é um país bastante importante a nível da África. O meu instituto tem trabalhado com vários países africanos, exceto Angola. Então, por isso, tivemos esse primeiro encontro com o Presidente João Lourenço, no sentido de falarmos sobre os passos empreendidos, principalmente no que diz respeito às mudanças em curso", explicou Tony Blair à saída do encontro que teve esta segunda-feira, 2 de dezembro, com o presidente João Lourenço, em Luanda.

O antigo primeiro-ministro britânico considerou "impressionantes mas necessárias" as mudanças postas em marcha por João Lourenço, revela ainda a Angop.

"O meu trabalho será de cooperar com os governos que estão em processo de reformas", afirmou o líder do Instituto Tony Blair para a Mudança Global, numa alusão à parceria que pretende manter com o Governo angolano.

Em relação à Cimeira sobre Investimentos em África, que terá lugar a 20 de janeiro de 2020 em Londres, e para a qual João Lourenço já foi convidado oficialmente, Tony Blair considerou o evento "bastante importante" para os países africanos, no que diz respeito aos negócios e investimentos.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Relacionadas

Exclusivos