Rio considera inadmissíveis acusações de Costa sobre PSD plantar incidente

Líder do PSD, Rui Rio

Líder do PSD, Rui Rio

  |  REUTERS/Rafael Marchante

O presidente do PSD, Rui Rio, rejeitou esta sexta-feira e considerou não ser "minimamente admissível" a acusação de António Costa de que o partido teria plantado um incidente na campanha do PS.

Em declarações aos jornalistas antes de iniciar a tradicional descida do Chiado, em Lisboa, Rio escusou-se a comentar a exaltação do secretário-geral do PS e primeiro-ministro, António Costa, relativamente a um homem que o abordou para o criticar "por ter gozado merecidas férias enquanto morriam pessoas" nos incêndios.

"Relativamente ao episódio prefiro não comentar, apenas lamentar o facto de o Dr. António Costa ter dito que a direita - estava a referir-se ao PSD, o PSD não é de direita, mas era isso que estava a dizer - isso é que eu não acho minimamente admissível", reagiu o líder do PSD.

Leia mais em Jornal de Notícias

Relacionadas

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG