Relatório oficial registra mais de 20 mortos e mais de 9 mil pessoas presas no Chile

Policiais disparam gás lacrimogêneo durante um protesto contra o governo em Santiago

Policiais disparam gás lacrimogêneo durante um protesto contra o governo em Santiago

  |  Edgard Garrido/Reuters

Dados são oficiais e contabilizam o período iniciado em 19 de outubro, quando começaram os protestos e os tumultos

O surto social no Chile deixou um resultado triste de 20 mortos, centenas de feridos e 9203 presos, de acordo com um relatório oficial divulgado nessa quarta-feira, 29, pelo Ministério da Justiça e Direitos Humanos chileno. O balanço inclui dados de mortes e feridos contabilizados a partir de 19 de outubro, quando começaram os protestos e os tumultos, e segunda-feira de manhã, ou seja, não inclui os incidentes graves registrados na segunda-feira à tarde em Santiago, Concepción, Valparaíso e Antofagasta.

Leia mais em Band

Relacionadas

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG