Putin critica EUA e alerta para risco crescente de guerra nuclear

O Presidente russo, Vladimir Putin, alertou, esta quinta-feira, para o risco crescente de uma guerra nuclear e criticou os Estados Unidos por provocarem uma nova corrida às armas ao abandonarem os acordos de desnuclearização.

"Lamentavelmente, existe uma tendência para desvalorizar o perigo de uma guerra nuclear", disse Vladimir Putin, em Moscovo, na conferência de imprensa anual, na qual participam mais de dois mil jornalistas russos e estrangeiros.

Apontando a intenção dos Estados Unidos dos América de se retirarem do tratado de 1987 sobre armas nucleares de médio alcance, considerou que se os EUA colocarem mísseis de médio alcance na Europa, a Rússia será forçada a tomar medidas.

Leia mais em Jornal de Notícias

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Relacionadas

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG