Milhares protestam e desafiam a proibição de uso de máscaras

Dezenas de milhares de manifestantes desafiaram a proibição do uso de máscaras em protestos no centro de Hong Kong, após um tribunal ter rejeitado uma tentativa de anular esta interdição, decretada pela chefe do executivo do território.

A proibição de uso de máscaras pelos manifestantes, decretada pela líder Carrie Lam, entrou em vigor no sábado com o objetivo de minimizar os protestos que já decorrem há quatro meses, mas acabou por provocar mais confrontos e destruição nos últimos dois dias neste território chinês semiautónomo.

Os manifestantes, muitos deles usando máscaras, voltaram hoje aos protestos, enfrentando a chuva, enquanto gritavam "usar máscara não é crime".

Leia mais em Diário de Notícias

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Relacionadas

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG