Manifestantes baleados no caos desta manhã. Um está em estado crítico

Manifestantes baleados no caos desta manhã. Um está em estado crítico

SCMP/Whatsapp

Cidade está em estado de sítio com transportes parados e trânsito caótico.

Dois manifestantes foram baleados esta segunda-feira de manhã em Hong Kong, num dia em que os protestos começaram cedo, devido a uma greve geral convocada nas redes sociais, criando o caos nos transportes e no trânsito daquela região administrativa especial. Um dos baleados está internado nos cuidados intensivos em estado considerado crítico e foi submetido a uma cirurgia ao fígado e aos rins.

As principais vias de vários distritos do território foram bloqueadas pelos manifestantes e os serviços de metro suspensos depois do arremesso de objetos na linha férrea leste, bem como um incêndio causado num comboio parado na estação de Kwai Fong. Manifestantes vandalizaram várias estações.

O caos segue a morte do estudante da Universidade de Ciência e Tecnologia de Hong Kong, Chow Tsz-lok, na passada sexta-feira, dias depois deste ter caído um andar num estacionamento automóvel em Tseung Kwan O, depois da polícia ter alegadamente dispersado uma manifestação ilegal com o disparo de gás lacrimogéneo.

Relacionadas

Exclusivos