Se Moro cometeu erro, terá valido a pena para salvar Brasil da corrupção

O governador de São Paulo, João Doria, durante entrevista à BBC News Brasil em Londres

Em entrevista, governador paulista afirma que reeleição 'não costuma funcionar bem' no Brasil.

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), é bastante enfático ao defender a atuação de Sergio Moro, ministro da Justiça e da Segurança Pública, como juiz federal responsável pelos casos da Operação Lava Jato em Curitiba.

O hoje ministro tem sido alvo de questionamentos e críticas depois que o site The Intercept Brasil publicou uma série de mensagens privadas atribuídas a ele, nas quais orienta procuradores da força-tarefa a mudar ordens de fases da investigação, incluir provas e vazar delações. Sobre o teor do material divulgado, Doria afirma que não deixa de apoiar Moro mesmo que o conteúdo tenha sua veracidade comprovada.

Leia mais em Folha de S. Paulo

Relacionadas

Exclusivos