João Lourenço nomeia líder da Juventude do MPLA para governar Luanda

O Presidente angolano exonerou Adriano Mendes de Carvalho do cargo de governador da província de Luanda e nomeou o líder da organização da Juventude do MPLA

De acordo com uma nota da Casa Civil do Presidente da República, além de Luanda, província com cerca de sete milhões de habitantes e cujo governador passa a ser Sérgio Luther Rescova, o chefe de Estado exonerou outros dois governadores provinciais.

José Maria Ferraz dos Santos foi exonerado do cargo de governador da província do Cuanza Norte, sendo substituído nas funções por Adriano Mendes de Carvalho, até agora governador de Luanda.

Eusébio Teixeira de Brito foi exonerado do cargo de governador da província do Cuanza Sul, tendo o Presidente angolano nomeado para aquelas funções o ex-deputado e antigo governador de Luanda (MPLA) Job Pedro Castelo Capapinha.

Na informação disponibilizada pela Casa Civil do Presidente não são apontadas explicações para estas mudanças, que acontecem quando Angola prepara as primeiras eleições autárquicas no país, previstas para 2020.

Além de líder (primeiro-secretário nacional) da Juventude do Movimento Popular de Libertação de Angola (JMPLA), Sérgio Luther Rescova era membro do Conselho da República (órgão consultivo do chefe de Estado), tendo também hoje sido exonerado dessas funções pelo Presidente da República.

João Lourenço afastou igualmente do Conselho da República António Paulo Kassoma - ex-secretário-geral do MPLA e que representava o partido naquele órgão -, tendo nomeado a vice-presidente do MPLA, Luísa Damião, para as mesmas funções.

Foi ainda exonerado das funções de conselheiro Luís Manuel da Fonseca Nunes e nomeados, para assumirem os mesmos cargos, José Carlos Manuel de Oliveira Cunha e Suzete Francisco João.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Relacionadas

Exclusivos