Exército venezuelano é 3ª maior força da região e foca defesa aérea

Falta de investimentos afeta de forma desconhecida capacidade de combate do país

As Forças Armadas Nacionais Bolivarianas, esteio da ditadura de Nicolás Maduro na Venezuela, têm 123 mil homens na ativa, 63 mil deles no Exército, 25,5 mil na Marinha, 11,5 mil na Força Aérea e 23 mil na Guarda Nacional.

Os dados são do IISS (sigla inglesa para Instituto Internacional de Estudos Estratégicos), que elabora anualmente o "Balanço Militar", o principal guia de forças armadas do mundo. Maduro conta com o terceiro maior contingente da América Latina, atrás de Brasil (360 mil militares) e Colômbia (295 mil).

Leia mais em Folha de S.Paulo

Relacionadas

Exclusivos