Hemiciclo de Macau contrata duas assessoras no Ministério da Justiça de Portugal

Assembleia Legislativa de Macau contrata mais duas juristas em Portugal

Assembleia Legislativa de Macau contrata mais duas juristas em Portugal

  |  GCS Macau

Já se encontram em funções duas novas assessoras jurídicas da Assembleia Legislativa oriundas de Portugal. Rosa Vieira Neves e Ana Catarina Correia exerciam funções no Ministério da Justiça em Lisboa.

Desde meados de outubro que as duas novas assessoras jurídicas do hemiciclo de Macau estão em funções, juntando-se a três outros juristas portugueses contratados pela Assembleia Legislativa (AL) desde o início do ano.

Tal como Manuel Magriço - cuja contratação foi avançada em primeira mão pelo PLATAFORMA em julho - Rosa Vieira Neves, 43 anos, trabalhava no gabinete da Ministra da Justiça de Portugal Francisca Van Dunem. Já Ana Catarina Correia, 38 anos, era adjunta da Secretária de Estado Adjunta e da Justiça, Helena Mesquita Ribeiro.

Entretanto, segundo a TDM Rádio Macau um dos assessores jurídicos da AL, Pedro Sena, deixa a Assembleia Legislativa este mês para exercer funções em Portugal, como adjunto da secretária de Estado da Protecção Civil, Patrícia Gaspar.

TDM Rádio A AL de Macau passa a contar com um total de oito assessores jurídicos portugueses. Manuel Magriço, Rosa Vieira Neves e Ana Catarina Correia entraram para a equipa de assessoria assim que se iniciou a sessão legislativa 2019-2020.

Antes, no início de 2019, tinham sido contratados Maria José Machado, juíza desembargadora oriunda de Portugal, e Paulo Henriques, que transitou dos Serviços de Administração e Função Pública de Macau para a Assembleia Legislativa em maio.

A entrada destes cinco juristas em 2019 acontece acontece após a Mesa da Assembleia Legislativa ter decidido não renovar os contratos dos juristas Paulo Cardinal e Paulo Taipa que terminaram funções no final de 2018 ao fim de vinte e seis anos e dezassete anos, respetivamente, de trabalho no órgão legislativo. Paulo Taipa, entretanto, regressou a Portugal e foi nomeado em abril deste ano adjunto da Secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna.

Relacionadas

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG