Coronel do Exército da Venezuela divulga vídeo em que pede ajuda humanitária

Vista aérea da ponte de Tienditas entre a Colômbia e a Venezuela bloqueda por este último país

Vista aérea da ponte de Tienditas entre a Colômbia e a Venezuela bloqueda por este último país

  |  EPA

Rubén Jiménez é o segundo militar de alta patente do país que diz apoiar Juan Guaidó.

Um coronel da ativa do Exército da Venezuela publicou um vídeo nas redes sociais neste sábado (9) se colocando a serviço do opositor Juan Guaidó

Rubén Alberto Paz Jiménez, que é médico, pediu a seus companheiros de armas que permitam a entrada da ajuda humanitária que começou a chegar à cidade fronteiriça de Cúcuta, na Colômbia, a pedido de Guaidó, o líder do Legislativo, que se declarou presidente encarregado do país em 23 de janeiro.

Leia mais em Folha de S. Paulo

Relacionadas

Exclusivos