Com medo de ameaças, Jean Wyllys, do PSOL, desiste de mandato e deixa o Brasil

Deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ), que disse que vai desistir de assumir o mandato

Deputado federal Jean Wyllys (PSOL-RJ), que disse que vai desistir de assumir o mandato

  |  Divulgação

'Quero cuidar de mim e me manter vivo', afirma deputado federal eleito pelo Rio

Eleito pela terceira vez consecutiva deputado federal pelo PSOL do Rio de Janeiro, Jean Wyllys vai abrir mão do novo mandato.

Em entrevista exclusiva à Folha, o parlamentar -eleito com 24.295 votos e que está fora do país, de férias- revelou que não pretende voltar ao Brasil e que vai se dedicar à carreira acadêmica. Desde o assassinato da sua correligionária Marielle Franco, em março do ano passado, Wyllys vive sob escolta policial.

Leia mais em Folha de S.Paulo

Relacionadas

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG