Bolsonaro chama Lula de canalha, e Moro lamenta revés no Supremo

O presidente do Brasil

O presidente do Brasil

Ex-presidente foi solto nesta sexta-feira, beneficiado por decisão colegiada do Supremo.

Ao se manifestar neste sábado (9) pela primeira vez sobre a soltura do ex-presidente Lula, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) pediu aos seus seguidores que não deem "munição ao canalha", em uma referência ao líder petista.

Sem citar o nome do ex-presidente, Bolsonaro postou um vídeo em homenagem ao ministro da Justiça, Sergio Moro. Hoje membro do governo, o ex-juiz foi responsável pela condenação de Lula na primeira instância no caso do triplex.

Leia mais em Folha de S. Paulo

Relacionadas

Exclusivos