Angola augura estabilidade na zona dos Grandes Lagos

Cimeira de Luanda abordou questões de segurança no espaço regional comum 

Cimeira de Luanda abordou questões de segurança no espaço regional comum 

Os Chefes de Estado de Angola, República Democrática do Congo (RDC), Rwanda e do Uganda condenaram ontem, em Luanda, a persistência de grupos armados no leste do país que obstaculizam o processo de paz em curso e destabilizam os países vizinhos.

No comunicado final da Cimeira Quadripartida de Luanda apresentado pelo ministro angolano das Relações Exteriores, Manuel Augusto, João Lourenço (Angola), Félix Tshisekedi (RDC), Paul Kagame (Rwanda) e Yoweri Museveni (Uganda) saudaram os esforços empreendidos pelas autoridades da RDC na pacificação de todo o território nacional, mas condenaram a evolução e persistência dos grupos armados.

Leia mais em Jornal de Angola.

Relacionadas

Exclusivos