Empresário português acusa Huawei de lhe roubar patente

Rui Pedro Oliveira acusa a empresa chinesa de lhe ter roubado a patente

Rui Pedro Oliveira acusa a Huawei de lhe roubar a patente de uma lente acoplável a um smartphone. A multinacional chinesa nega o roubo e ameaça processar o inventor português

A luta vai ser travada em tribunal nos Estados Unidos, onde o português registou as patentes da invenção. O empresário assume que se sente David contra Golias. "Eu não quero pôr em causa a reputação da Huawei. Estou apenas a proteger a minha ideia, o meu trabalho e o meu investimento. É uma questão de justiça", sublinha.

A ideia para criar a SMATCAM (como a designou) surgiu numa viagem em 2012, quando percebeu que a lente da sua pequena máquina fotográfica era mais potente que a do seu smartphone, apesar de ser do mesmo tamanho. Desenvolveu a sua ideia e em abril de 2013 requereu a patente nos Estados Unidos para proteger a tecnologia ("utility patent"). Um ano depois, registou a patente para proteger o design ("design patent"). O objetivo era "simples": queria salvaguardar a entrada da sua invenção no mercado norte-americano.

Leia mais em Jornal de Notícias

Relacionadas

Exclusivos