Venda da Partex promete bónus de cinco milhões aos trabalhadores

O presidente da empresa tailandesa PTTEP, Phongsthorn Thavisin, e a presidente da Fundação Gulbenkian

O presidente da empresa tailandesa PTTEP, Phongsthorn Thavisin, e a presidente da Fundação Gulbenkian, Isabel Mota

  |  Tiago Petinga/Lusa

A Fundação Gulbenkian vai encaixar 555 milhões com venda da petrolífera aos tailandeses, que apenas garantem postos de trabalho durante dois anos.

O negócio está concluído e os documentos finais assinados. A partir desta segunda-feira, 4 de novembro, a Partex, petrolífera fundada há mais de 80 anos pelo próprio Calouste Gulbenkian, vai passar das mãos da Fundação portuguesa para a PTT Exploration and Production (PTTEP), empresa pública tailandesa de exploração e produção de petróleo.

Já na semana passada o Dinheiro Vivo tinha avançado que o fecho da venda seria concretizado no início de novembro.

Leia mais em Diário de Notícias

Relacionadas

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG