Portugal é o terceiro país europeu com maior dívida pública

Angel Gurría, secretário-geral da OCDE

Angel Gurría, secretário-geral da OCDE

  |  EPA/Mario Guzmán

Redução do défice destaca-se pela positiva num relatório à primeira década pós-crise (2007-2017).

Uma década depois da crise de 2007/08, as contas públicas melhoraram, com destaque para o défice, mas Portugal continua a ter, entre os países europeus incluídos na lista da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Económico (OCDE), a terceira maior dívida pública (quarta, quando se inclui a lista completa, com o Japão acima dos 220%). Se a média da instituição liderada por Ángel Gurría se fixava nos 110% em 2017 (mais 37,3 pontos percentuais (pp) do que em 2007), só Grécia e Itália ficam pior na fotografia do que Portugal, com a dívida perto dos 140% do PIB.

"Dívidas públicas persistentemente altas são um problema sério. Elas reduzem fortemente a margem de manobra dos governos para reagir a choques económicos", sublinha a instituição.

Leia mais em Diário de Notícias.

Relacionadas

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG