Investimento direto da China no exterior fica atrás apenas do Japão em 2018

Quadro com cotações de divisas num banco em Xangai

O investimento direto da China no exterior (ODI, em inglês) totalizou 143 mil milhões de dólares em 2018, tornando o país o segundo maior investidor no exterior do mundo, mostraram novos dados divulgados pelo governo.

Embora o volume tenha caído 9,6% em termos anuais, ficou atrás apenas do Japão, de acordo com um relatório divulgado pelo Ministério do Comércio da China, em conjunto com outros departamentos.

No fim de 2018, o ODI acumulado do país foi de 1,98 biliões de dólares, ocupando o terceiro lugar no mundo, depois dos Estados Unidos e da Holanda.

Mais de 27 mil investidores chineses estabeleceram cerca de 43 mil empresas em 188 países e regiões até o fim do ano passado.

O ODI da China registou um rápido crescimento nas últimas décadas, mas as autoridades estabeleceram regras mais rígidas nos últimos anos e aconselharam as empresas a tomarem decisões de investimento com mais cuidado.

Relacionadas

Exclusivos