Sonda chinesa já está a caminho da face oculta da Lua

Há um lado da Lua que nunca se consegue ver a partir da Terra.

Há um lado da Lua que nunca se consegue ver a partir da Terra.

  |  REUTERS

Chang'e-4 foi lançada esta sexta-feira à tarde do Centro Espacial de Xichang. O lado negro do satélite terrestre vai deixar de ser desconhecido.

Eram seis e meia da tarde de sexta, 7 de dezembro, quando Pequim confirmou a notícia. A sonda não tripulada Chang'e-4 está a caminho do espaço. Dirige-se à face oculta da Lua, o lado que os terrestres nunca conseguem ver no seu satélite. É mais um triunfo do expansão espacial chinesa.

Até aqui era impossível tecnologicamente chegar àquele lado do astro. Agora, se tudo correr bem, a sonda (batizada com o nome de uma deusa chinesa que habita a lua) deverá alunar nos primeiros dias de janeiro.

Leia mais em Diário de Notícias

Relacionadas

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG