Empresário falido vira motorista de aplicativo e escreve livro com relatos inusitados de passageiros

Paulo Maia, 62, empresário e jornalista que acabou virando motorista de aplicativo; ele agora escreve livros também

'No Divã do Taxi Driver' tem edição de 5.000 exemplares e foi inspirado em 11 mil viagens.

No final das jornadas diárias de 15 horas ao volante, o motorista de aplicativo Paulo Maia, paulistano de 62 anos, ainda tinha disposição para anotar num diário o que ouviu dos passageiros durante 11 mil viagens por São Paulo nos últimos dois anos.

Leia mais em Folha de S.Paulo.

Relacionadas

Exclusivos