Angola sofre derrota pesada frente à Suécia

Gabriel Teca, da seleção angolana, em ação contra a equipa húngara que ganhou por 34-24

Gabriel Teca, da seleção angolana, em ação contra a equipa húngara que ganhou por 34-24

No terceiro encontro do Mundial de Andebol, que está a ser disputada na Alemanha e Dinamarca, a seleção angola esteve em desvantagem desde os minutos iniciais, terminado o jogo com uma derrota de 37-19.

As fragilidades da seleção angolana ficaram bem patentes frente à já quatro vezes campeã do mundo Suécia. Num encontro em que a equipa liderada por Filipe Cruz esteve em desvantagem no marcador desde os minutos iniciais, só a meio da primeira parte, com o resultado em 14-12, pareceu que Angola poderia assustar a poderosa equipa sueca.

Mas o intervalo chegou já com um resultado bastante desfavorável para Angola, 19-14. E na segunda parte os suecos aprofundaram a diferença entre as duas seleções, com o jogo a terminar com a pesada derrota dos angolanos por 37-19.

Olhando para as estatísticas finais do encontro, a falta de eficiência nos remates volta a pesar em desfavor da selecção de Filipe Cruz, tal como acontecera no encontro de sábado frente à Hungria. Em 45 remates, os angolanos conseguiram apenas 19 golos, enquanto os suecos fizeram 50 remates que resultaram em 37 golos.

Na primeira jornada do Grupo D, a seleção liderada por Filipe Cruz surpreendeu ao vencer no último segundo a formação do Qatar mas no segundo jogo perdeu com a Hungria por 34-24, num encontro em que a capacidade de concretização foi também o calcanhar de Aquiles da seleção angolana.

Angola volta a jogar na quarta-feira, 16 de janeiro, frente à Argentina, às 14:30 (hora de Lisboa).

Relacionadas

Exclusivos