Santos Dumont, o virgem voador

Imagem da série da HBO sobre Santos Dumont. Na foro, o ator João Pedro Zappa que interpreta o aviador

Imagem da série da HBO sobre Santos Dumont. Na foro, o ator João Pedro Zappa que interpreta o aviador brasileiro

  |  Divulgação

A minissérie da HBO revela segredos da história do pioneiro da aviação que revolucionou o voo, mas não soube lidar com a sexualidade e se suicidou após 20 anos de depressão.

Alberto Santos Dumont estava hospedado havia alguns dias no quarto 152 do Grand Hôtel de la Plage, na praia de Pitangueiras, em Guarujá, para se curar da melancolia que o abatia com passeios à beira-mar. No quarto contíguo, 151, ficava o sobrinho, Jorge Dumont Villares, que o acompanhava. Como era inverno, o hotel estava quase vazio. Jorge foi embora de repente e avisou os funcionários para que o avisassem se algo anormal ocorresse com o tio. Depois do meio-dia de 23 de julho, os garçons notaram que o hóspede célebre não comparecera para o almoço nem atendia à porta.

O sobrinho autorizou o arrombamento. No banheiro, os policiais se depararam com o cadáver. Ele havia se enforcado com a própria gravata - ou o cinto do roupão, segundo outra versão. A investigação não seguiu adiante. O atestado de óbito forjado informou que a causa mortis havia sido "colapso cardíaco". Poderia ser assim enterrado com honras de Estado.

Leia mais em ISTOÉ

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG