Diretor de teatro quer criar banco de dados de artistas conservadores

Roberto Alvim

Roberto Alvim

Roberto Alvim convoca profissionais para uma 'máquina de guerra cultural'

O diretor de teatro Roberto Alvim publicou um comunicado em suas redes sociais para "artistas conservadores" criarem "uma máquina de guerra cultural".

Em uma mensagem publicada nesta terça (17), no Facebook, ele chamou profissionais com "valores conservadores no campo da arte" para enviar seus currículos e formar um banco de dados de artistas para projetos futuros.

Leia mais em Folha de S.Paulo

Relacionadas

Exclusivos