Obra de Picasso vendida por judeu em fuga do nazismo pode ficar no Met em NY

Pablo Picasso

Pablo Picasso

  |  DR

Justiça determinou que o quadro 'O Ator' não precisará ser devolvido aos herdeiros.

Uma obra do pintor Pablo Picasso que teria sido vendida por um empresário alemão judeu para financiar sua fuga dos nazistas pode ficar no Museu Metropolitan, em Nova York, e não precisará ser devolvida aos herdeiros do empresário, decidiu um tribunal federal de apelações nesta quarta-feira (26).

Leia mais em Folha de S.Paulo.

Relacionadas

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG