Início » Tribunal russo estende até 30 de agosto prisão do jornalista Gershkovich

Tribunal russo estende até 30 de agosto prisão do jornalista Gershkovich

Um tribunal russo prorrogou por três meses, nesta terça-feira (23), a prisão preventiva imposta ao jornalista americano Evan Gershkovich, do The Wall Street Journal, detido em março por acusações de “espionagem”. O repórter nega.

“O tribunal aceitou o pedido dos investigadores para prorrogar a medida de prisão preventiva até 30 de agosto”, informou a Justiça à agência estatal de notícias RIA Novosti.

Esta decisão corresponde ao pedido feito pelos serviços de segurança russos (FSB).

O Kremlin afirma que Gershkovich foi detido “em flagrante delito”, sem divulgar provas, já que o caso foi classificado como secreto.

Entre as acusações, está a de coletar informações sobre a indústria de defesa russa.

Gershkovich, sua família, The Wall Street Journal e as autoridades americanas negam as acusações contra ele. Se for considerado culpado, pode ser condenado a uma pena de 20 anos de prisão.

Contact Us

Generalist media, focusing on the relationship between Portuguese-speaking countries and China.

Plataforma Studio

Newsletter

Subscribe Plataforma Newsletter to keep up with everything!