Governo brasileiro dispensa 43 chefes na Funai e 11 gestores de saúde indígena - Plataforma Media

Governo brasileiro dispensa 43 chefes na Funai e 11 gestores de saúde indígena

O governo federal dispensou 43 chefes regionais e nacionais da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai). As exonerações foram publicadas em uma edição extra do Diário Oficial da União, de segunda-feira (23).

No total, 22 coordenadores regionais, 15 coordenadores setoriais e seis diretores, assessores e secretários vinculados diretamente à presidência foram dispensados da Funai.

Também na segunda-feira (23), 11 coordenadores regionais da Secretaria de Saúde Indígena (Sesai) do Ministério da Saúde foram exonerados. Entre os dispensados está o coordenador do distrito sanitário Leste de Roraima.

O governo ainda não divulgou quem vai assumir os cargos. Ontem, o Ministério da Saúde informou que a dispensa dos coordenadores do distritos sanitários especiais indígenas faz parte do “processo natural da transição de governo” – quando quase a totalidade dos ocupantes dos chamados cargos de confiança são substituídos por outras pessoas.

Leia mais em Istoé

Related posts
BrasilSociedade

Garimpeiros começam a sair de Terra Indígena Yanomami após anúncio de operação

BrasilPolítica

Lei de Bolsonaro que permitia abate de árvores em reservas indígenas foi revogada por Lula

BrasilSociedade

Suspeito confessa que enterrou corpos de jornalista e indigenista desaparecidos

BrasilPolítica

Força Nacional é autorizada a atuar em terra indígena no Pará

Assine nossa Newsletter