Hospitais de Luanda criam condições para celebrar Ano Novo com pacientes

por Gonçalo Lopes

As actividades do ano novo, por exemplo, acontecem de forma antecipada no Instituto Angolano de Controlo de Câncer (IACC), proporcionando às pessoas pacientes momentos de alegria, confraternização e boa disposição que, de alguma forma, permanecerá registada na memória de quem se beneficia. Diferentes instituições procuram tornar a quadra festiva dos enfermos num momento único e menos lamentável.

Para o director do IACC, Fernando Miguel, é importante reunir sinergias, nesta época, de forma a levar o amor aos doentes, através de actos de solidariedade e partilha. “O espírito colectivo é uma marca da instituição, que é evidenciada várias vezes, tendo em conta a situação particular dos pacientes oncológicos”, disse.

Consciência solidária

O sociólogo Carlos Conceição destacou a importância da doação e da consciência solidária das organizações e entidades governamentais nesta quadra festiva.

Nos hospitais, referiu, existe um número elevado de pessoas que depende da solidariedade dos outros, para poder festejar. “Nesta altura, o objectivo destas instituições deve ser garantir uma quadra festiva condigna a essas pessoas”, adiantou.

As organizações, reconheceu, pessoas singulares e igrejas têm feito muito, em particular nesta fase, para ajudar essas pessoas, em particular os doentes dos hospitais.

Leia mais em Jornal de Angola

Pode também interessar

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!