Início Brasil Bolsonaro fecha-se no Alvorada e articula futuro como líder da direita

Bolsonaro fecha-se no Alvorada e articula futuro como líder da direita

Nas duas semanas que sucederam sua derrota eleitoral, o presidente Jair Bolsonaro (PL) adotou estilo totalmente diferente em relação aos quase quatro anos à frente do Palácio do Planalto.

O presidente verborrágico que não hesitava em comprar brigas e comentar os principais acontecimentos do noticiário deu lugar a um Bolsonaro recluso e de poucas palavras.

Passados 14 dias da vitória do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o atual mandatário não parabenizou o petista e evitou comentar até mesmo o relatório das Forças Armadas sobre a fiscalização do processo eleitoral.

Ativo na internet e acostumado a dar discursos em eventos e a fazer lives, Bolsonaro promoveu apenas duas declarações públicas depois da derrota. Além disso, foram apenas três publicações nas redes sociais. Ele não realizou nenhuma das suas lives semanais, que ocorriam tradicionalmente às quintas-feiras.

Pouco depois do fim do pleito, alguns aliados defenderam junto ao presidente que ele deveria reconhecer publicamente a derrota nas urnas.

Leia mais em Folha de S. Paulo

Contate-nos

Meio de comunicação social generalista, com foco na relação entre os Países de Língua Portuguesa e a China

Plataforma Studio

Newsletter

Subscreva a Newsletter Plataforma para se manter a par de tudo!