Início » IGAS vai investigar caso da morte de grávida transferida para o São Francisco Xavier

IGAS vai investigar caso da morte de grávida transferida para o São Francisco Xavier

A Inspeção-Geral das Atividades em Saúde (IGAS) anunciou esta terça-feira que vai instaurar uma inspeção à transferência da grávida de 31 semanas do Hospital de Santa Maria para o de São Francisco Xavier, em Lisboa, “por uma alegada inexistência de vaga no Serviço de Neonatologia da primeira unidade hospitalar”.

A grávida acabou por morrer no Hospital de São Francisco Xavier

Num comunicado enviado às redações, o organismo explica que a investigação se destina a perceber “a razão pela qual a utente foi transferida”, “quem foram os responsáveis pela decisão de transferência e sob que pressupostos clínicos asseguraram que a utente poderia ser transferida em segurança”, “qual era a situação do Serviço de Neonatologia do Hospital de Santa Maria na data da transferência da utente”, “em que circunstâncias ocorreu a morte” e se “existiam soluções alternativas e mais seguras à transferência da utente”.

Leia mais em: Jornal de Notícias

Contact Us

Generalist media, focusing on the relationship between Portuguese-speaking countries and China.

Plataforma Studio

Newsletter

Subscribe Plataforma Newsletter to keep up with everything!