Vieira suspeito de receber milhões em negócios do Benfica -

Vieira suspeito de receber milhões em negócios do Benfica

A CNN informa esta quinta-feira que há fortes suspeitas de que Luís Filipe Vieira recebeu de forma indevida “luvas” em transferências enquanto presidia o Benfica, em negócios realizados entre 2012 e 2020, que geraram 10 milhões de euros em comissões.

“A informação consta de um relatório da Autoridade Tributária no processo da operação Cartão Vermelho (…) e as suspeitas são validadas pelo Ministério Público”, informa o canal.

A investigação considera que os agentes Bruno Macedo, Ulisses Santos, Isidoro Gímenez e Giuliano Bertolucci estão envolvidos num processo que permitia a Vieira receber de volta grande parte das comissões.

A CNN revela alguns detalhes nos documentos a que teve acesso no âmbito da operação Cartão Vermelho: “A transferência de Seferovic, por exemplo, terá gerado uma comissão de um milhão de euros. E do avançado [Everton] Cebolinha, 1,2 milhões. Na compra de Morato ao São Paulo, a comissão foi de 1,5 milhões. Na venda de Lisandro López ao Boca Juniors, 1,4 milhões de euros.”

A transferência de Julian Weigl do Dortmund para o Benfica também está na mira da investigação: segundo a notícia, a comissão foi de 2,5 milhões de euros. O negócio não teve intermediário, mas Vieira indicou Ulisses Santos. “Eu acho que nós devemos fazer o contrato com o Ulisses cá, que não tem nada a ver com o do outro gajo que representa ou não representa… Nós aqui é que temos de fazer um contrato a dizer que é representante para nós aqui…”, disse o então líder daS águias, numa escuta telefónica cujo teor é revelado pela CNN.

Leia mais em O Jogo

Assine nossa Newsletter