Moçambique recebe 720 mil doses de vacina do mecanismo Covax

Moçambique recebe 720 mil doses de vacina do mecanismo Covax

Moçambique recebeu ontem 720.000 doses da vacina Covishield contra o novo coronavírus, doadas no âmbito do mecanismo Covax, foi anunciado

O novo lote recebido hoje faz parte de um total de 17,8 milhões de doses esperadas no país, no âmbito da iniciativa Covax (mecanismo promovido pela Organização Mundial de Saúde para garantir uma distribuição equitativa das vacinas), referiu o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), num comunicado enviado à comunicação social. 

O Ministério da Saúde moçambicano recebeu ainda 14.245 máscaras N95 e 11.400 luvas doadas pela empresa pública Eletricidade de Moçambique (EDM), além de outras 20.000 máscaras reutilizáveis entregues pela Good Neighbors, uma organização não-governamental internacional fundada na Coreia do Sul. 

De acordo com os últimos dados avançados pelo chefe de Estado moçambicano, Filipe Nyusi, 7,8 milhões de pessoas foram imunizadas com pelo menos uma dose da vacina contra o novo coronavírus no país, das quais 5,4% estão completamente vacinadas. 

Na segunda-feira, Nyusi alertou para a “evolução gigantesca e preocupante” da taxa de positividade semanal no país, que subiu de 0,4% para 24,5% nas últimas quatro semanas e referiu que mediante a evolução dos dados poderão ser tomadas “medidas mais drásticas”. 

O Presidente suspendeu o recolher obrigatório para os dias das festas de Natal e de fim de ano, mantendo a maioria das restrições relacionadas com a prevenção da covid-19 no país. 

Leia também: Portugal vai reagendar oferta de vacinas a Moçambique

Moçambique tem um total acumulado 1.957 óbitos e 162.525 casos, dos quais 150.517 recuperados. 

A covid-19 provocou mais de 5,35 milhões de mortes em todo o mundo desde o início da pandemia, segundo o mais recente balanço da agência France-Presse. 

A doença respiratória é provocada pelo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019 em Wuhan, cidade do centro da China, e atualmente com variantes identificadas em vários países. 

Uma nova variante, a Ómicron, classificada como preocupante pela Organização Mundial da Saúde (OMS), foi detetada na África Austral, mas desde que as autoridades sanitárias sul-africanas deram o alerta, a 24 de novembro, foram notificadas infeções em pelo menos 89 países de todos os continentes, incluindo Portugal. 

Related posts
MoçambiqueSociedade

Mais de 4,7 milhões de adolescentes recebem 2.ª dose da vacina em Moçambique a partir de hoje

MacauPolítica

Associações pedem reforço da educação patriótica e mecanismo de resposta à pandemia para as LAG2023

MoçambiqueSociedade

Ómicron é a única variante detetada em Moçambique

MundoSociedade

Biden diz que pandemia de covid-19 'terminou' nos EUA

Assine nossa Newsletter